PIS 2018 → Calendário, Consulta e Extrato [VOCÊ TEM DIREITO?]

O Programa de Integração Social (PIS) foi criado com o objetivo de financiar e fazer o pagamento do Seguro-Desemprego e Abono Salarial.

Ele foi instituído em 1970 pelos militares brasileiros durante o Regime Militar, o PIS 2018 é destinado aos trabalhadores de empresas privadas e é administrado pela Caixa Econômica Federal.

Já o PASEP, que também esta relacionado, é pago aos servidores públicos, no programa o trabalhador recebe um abono que equivale a um salário mínimo referente aquele ano, é um programa do Governo Federal e é rigorosamente pego e administrado pela Caixa Econômica Federal.

Calendário do PIS 2018


.
.

A partir de 1988, os empregados que fizeram contribuições ao Fundo de Participação tem o direito de receber uma porcentagem de quotas proporcionais ao salário mínimo e ao tempo do contrato de trabalho.

Para organizar esses pagamentos foram criadas datas de pagamento que se baseia no mês de nascimento de cada contribuinte.

Calendário de Pagamento para 2018:

Calendário PIS 2018

Lembrando que o calendário do PIS e as datas de pagamento muda todo ano de acordo com cronograma da Caixa Econômica Federal.

Como Consultar Saldo e Tirar Extrato

São três formas de consultar o saldo e extrato do PIS:

1ª alternativa

Se o trabalhador tem conta corrente ou poupança na Caixa e se tem acesso ao Internet Banking:

1 – Entrará nesta página do banco: https://servicossociais.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01

2 – Inserir o número do Cartão Cidadão:

Consultar PIS

3 – Colocar a senha de acesso a internet:

Na tela terá todos os dados do trabalhador como empresas que trabalhou ou que trabalha, datas dos últimos abonos e valores de cada um.

2ª alternativa

Trabalhadores que não tem acesso ao Internet Banking, mas tem o Cartão Cidadão, é só ir ate uma agência da Caixa direto no caixa eletrônico ou em Casas Lotéricas e retirar seu saldo ou extrato.

Na tela também ira aparecer os dados do trabalhador, dados da empresa que trabalhou ou trabalha, os últimos pagamentos feitos pelo abono e o valor e data do próximo pagamento.

3ª alternativa

E caso o trabalhador ainda não tenha o Cartão Cidadão, ele deve se dirigir ate uma agência da Caixa com o número do PIS 2018 e um documento com foto em mãos.

Nesse caso, o trabalhador vai retirar um Extrato Analítico da conta do PIS que é um extrato mais aprofundado de seus rendimentos, como, datas e valores dos últimos abonos, empresas que trabalhou, empresa que trabalha e se todas elas fizeram o cadastro no RAIS corretamente, nesse caso também ira sair o extrato do FGTS.

Valor do PIS 2018

O valor geralmente equivale ao valor de máximo 1 salário mínimo, que é estabelecido ao trabalhadores de acordo ao tempo de serviço prestado a uma empresa.

O Abono passou a ser calculado correspondente ao número de meses trabalhados no ano-base, ou seja o trabalhador terá que ter trabalhado no mínimo 30 dias com carteira assinada pra ter direito.

Tabela de exemplos para valor do PIS 2018 a serem pagos:

  • Um mês de trabalho: R$ 79,00;
  • Dois meses de trabalho: R$ 157,00;
  • Três meses de trabalho: R$ 235,00;
  • Quatro meses de trabalho: R$ 313,00;
  • Cinco meses de trabalho: R$ 391,00;
  • Seis meses de trabalho: R$ 469,00;
  • Sete meses de trabalho: R$ 547,00;
  • Oito meses de trabalho: R$ 625,00;
  • Nove meses de trabalho: R$ 703,00;
  • Dez meses de trabalho: R$ 781,00;
  • Onze meses de trabalho: R$ 859,00;
  • Doze meses de trabalho: R$ 937,00.

A tabela de valores também muda todo ano já que ela é referente ao valor do salário mínimo do ano vigente.

O pagamento a ser pago de três formas, no caso do trabalhador for correntista da Caixa Econômica Federal assim o valor do abono será creditado direto na conta corrente ou poupança.

Tabela Abono Salarial

Direto nos caixas eletrônicos, nas Lotéricas e nos Correspondentes Caixa Aqui tendo em mãos o Cartão Cidadão.

Caso não tenha o Cartão Cidadão, vá direto a uma agência da Caixa Econômica Federal apresentando um documento com foto e o número do PIS que esta registrado na carteira de trabalho.

Quem tem Direito ao PIS?

Pis quem tem direitoO PIS 2018 é pago a empregados de empresas privadas, que é uma espécie de decimo quarto salário, que segue varias regras estabelecidas pelo Governo Federal, é como uma participação de lucro que o governo paga pela contribuição do trabalhador.

Para ter direito ao Abono Salarial, deve estar cadastrado no PIS há pelo menos 5 anos, esse cadastro é feito assim que que o trabalhador tem seu primeiro contrato de trabalho.

Tem que ter uma renda mensal de dois salários mínimos ou menos, ou seja se o trabalhador recebe cerca de R$ 2.000,00 mensais ou mais já não tem o direito de receber o abono.

Ter a carteira assinada por pelo menos 30 dias, seguidos ou não, no ano vigente considerado para o pagamento.

E também deve assegurar que o empregador informou corretamente o dados do funcionário na Relação Anual de Informação Sociais (RAIS).

Quem não tem direito?

Pis 2018Mas alguns trabalhadores ainda não tem acesso ao abono. Empregados domésticos como: diaristas, motoristas, jardineiros, empregadas domesticas, babas, cuidadores de idosos, copeiros e cozinheiros.

Apesar de terem a carteira assinada e recolherem o INSS e o FGTS, não são registrados ao RAIS que vai para o cadastro do Ministério do Trabalho e Emprego, assim não há regulamentação para recebimento do PIS 2018.

Com todas essas regras em dia com certeza ira ter seu abono recebido em dia e caso o trabalhador ainda não tenha recebido nenhum abono, procure uma agência da Caixa com a carteira de trabalho e um documento com foto para consultar sua conta.